Spread the knowledge

“Estamos à beira de uma revolução tecnológica vai alterar fundamentalmente a forma como vivemos, trabalhamos e nos relacionamos. Na sua escala, alcance e complexidade, a transformação será diferente de tudo o que a humanidade já experimentou”. Escreveu Klaus Schwab, fundador e presidente executivo do Fórum Econômico Mundial (WEF).

A primeira revolução industrial foi marcada pela introdução de máquinas a vapor. A segunda se beneficiou da eletricidade e do sistema de produção em massa. A partir da década de 1970, a automação –com uso intensivo de eletrônicos e tecnologia da informação – definiu o terceiro estágio evolutivo. A quarta revolução caracteriza-se pela fusão de tecnologias que desfazem os limites entre o físico, o digital e o biológico.

“Como as revoluções que a precederam, a Quarta Revolução Industrial tem o potencial de aumentar os níveis de renda global e melhorar a qualidade de vida das populações em todo o mundo. Até o momento, os que mais ganharam com isso foram consumidores com acesso ao mundo digital. A tecnologia possibilitou novos produtos e serviços que aumentam a eficiência e o prazer de nossas vidas pessoais”, diz Schwab.

Assista a este vídeo produzido pelo Fórum Econômico Mundial para saber mais sobre o tema.

Crédito da foto: Drew Coffman (Unsplash).


Spread the knowledge

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Left Menu Icon